5 comentários:
De Daniel João Santos a 7 de Agosto de 2009 às 09:35
Em caso?

mas o bloco central não é aquilo que nos governa faz anos?
De Jorge Assunção a 7 de Agosto de 2009 às 13:30
É muito diferentes falar num "bloco central" que governa porque ambos os partidos adoptam práticas semelhantes, embora alternem naquele que exerce o poder, do que falar num "bloco central" efectivo, onde ambos tem de partilhar o poder.
De Daniel João Santos a 7 de Agosto de 2009 às 13:48
isso sei eu... estava há espera de algo mais cortante da tua parte depois de uma provocação.
De António de Almeida a 7 de Agosto de 2009 às 13:09
A luta entre Cavaco e Sócrates mais não é que um contar de espingardas. O PSD optou por perder, fará o bloco central, mantendo Sócrates no poder, o que dará jeito à reeleição presidencial.
De Jorge Assunção a 7 de Agosto de 2009 às 13:32
Não sei se o PSD optou por isso. Mas que o PSD já abdicou de um governo de maioria em coligação com o CDS de Portas, lá isso parece ter abdicado. Mas, no que toca à luta entre Cavaco e Sócrates, tens toda a razão. Cavaco será peça chave no equilíbrio de poderes que irá resultar do próximo acto eleitoral.

Comentar post