De António de Almeida a 13 de Abril de 2009 às 13:43
No lance do golo anulado fiquei com dúvidas técnicas, entretanto já esclarecidas, pelo que o golo foi de facto mal invalidado. As dúvidas tinham que ver com o guarda-redes poder ou não ser tocado dentro da pequena área, mesmo que sem intenção, acontece que Nuno Gomes estava parado, pelo que a responsabilidade do choque seria da responsabilidade do guarda-redes, pelo que o lance deveria ter sido deixado prosseguir, o que resultaria em golo. O jogador da Académica foi mal expulso, penalizar aquele toque com cartão amarelo, para cúmulo o segundo, é um manifesto exagero. Já o lance sobre David Luíz é bastante duvidoso, o jogador trava, existe contacto, o árbitro na dúvida não assinala, para mais com casos recentes será de supor que o SLB não irá ver durante um ou dois jogos assinaladas grandes penalidades a favor. Depois face a um ou dois não assinaldos o SLB vai-se queixar, e será novamente beneficiado, é cíclico. Daí defender a introdução das novas tecnologias, para salvaguardar a verdade desportiva.
De Jorge Assunção a 13 de Abril de 2009 às 17:48
"o SLB vai-se queixar, e será novamente beneficiado, é cíclico."

Pois é, António. O problema é que nesta fase final o ciclo está a favor do Sporting. Por isso, mais vale queixarem-se, dá resultado.
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres