De AP a 23 de Março de 2009 às 07:47
Como o português tem memória curta atira-se um valor para cima da mesa, mas para daqui a 4 ou 5 anos e assim quando chega a data já ninguém se lembra!
Enfim, Portugal no seu melhor...
Já agora, qualquer empresa ou instituição faz o seu orçamento ano a ano, não é? Os nossos sindicatos são muito há frente!
De Jorge Assunção a 23 de Março de 2009 às 21:37
"mas para daqui a 4 ou 5 anos e assim quando chega a data já ninguém se lembra!"

Isso é quando não fica logo estabelecido o valor, se fica nada há a fazer. Em 2009 a subida para 450 euros já era irreversível. Mas os politicos terão tendência para ceder a este tipo de negociação a pensar no curto prazo - estabelecem um aumento num futuro próximo, mas não imediato, conseguindo com isso que no imediato os sindicatos sejam benevolentes para com o governo.
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres