4 comentários:
De Daniel Santos a 26 de Janeiro de 2009 às 20:38
Não sei... apanhei o comboio a meio.

E ainda o apanhei graças ao amigo.
De Jorge A. a 27 de Janeiro de 2009 às 00:31
Mas olha que o vazio na vida de Ivanovic a que me refiro é obviamente ao lugar de treinador desta... ;)

"Ivanovic close to picking coach"
http://www.theaustralian.news.com.au/story/0,25197,24963024-5010361,00.html
De António de Almeida a 26 de Janeiro de 2009 às 23:59
Bem dizia o outro que Murray não poderia ser colocado no mesmo patamar de favoritismo que os 3 primeiros cabeças de série. Em Wimblendon podemos contar com maior histeria da imprensa britânica.
De Jorge A. a 27 de Janeiro de 2009 às 00:40
Isto é um mimo:
http://www.bbc.co.uk/dna/606/A46501030

Todo o artigo é um marco à arrogância tipica britânica:

"In the search for perspective following Andy Murray’s fourth-round exit at the Australian Open, it is worth rewinding six years to 2003. Back then, a 21-year-old Roger Federer – seeded sixth - suffered a five-set defeat by 10th seed David Nalbandian at exactly the same stage in Melbourne."

"Federer would attest to that. He prevailed in his 17th Grand Slam tournament. Murray has just lost in his 13th."

Esta forma de tentar equiparar Murray a Federer é uma delicia, não fosse pura estupidez.

Comentar post