Quarta-feira, 7 de Janeiro de 2009

Legitimidade

Continuando em Gaza, Hamas: Israel has legitimised the killing of its children (via Jeffrey Goldberg):

“They have legitimised the murder of their own children by killing the children of Palestine,” Mahmoud Zahar said in a televised broadcast recorded at a secret location. “They have legitimised the killing of their people all over the world by killing our people.”

Agora digam-me, sinceramente, perante um grupo que acha legitima a morte de toda e qualquer criança cuja familia seja de religião judaica (não só em Israel, mas no mundo), é possível pensar sequer negociar?

publicado por Jorge A. às 01:12
link do post | comentar
6 comentários:
De Fulano a 7 de Janeiro de 2009 às 09:35
Tem você toda a razão! E prova-se a loucura assassina do Hamas que a loucura assassina de Israel está mais que estabelecida.
Uma mulher declarava na TV esperar que este ataque matasse TODOS os árabes. Infelizmente suspeito que seja a opinião mais comum entre a populaça israelita. Um radical israelita também declarava que mil vidas de "gentios" (são uma simpatia) não valiam uma vida judia. Se as atrozes declarações de Mahmoud Zahar provam a ilegitimidade das aspirações palestinas que provarão estas últimas? Que se merecem?
De Jorge A. a 7 de Janeiro de 2009 às 18:57
Caro Fulano,

Uma mulher e um radical israelita? Preciso de lhe explicar que as declarações que cito não partem da "rua" palestiniana, mas sim do lider do movimento que governa a faixa de Gaza? Você quer estabelecer uma equivalência que pura e simplesmente não existe.
De Tiago R Cardoso a 7 de Janeiro de 2009 às 19:17
depois apregoam que são as vitimas.

De Jorge A. a 7 de Janeiro de 2009 às 22:35
E o melhor (ou deveria dizer pior) nesta teoria tresloucada da legitimidade alcançada para assassinar crianças judaicas, também deve passar pela legitimidade do Hamas para matar crianças palestinianas.

http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2008/12/26/israel-reabre-fronteira-de-gaza-missil-mata-2-meninas-587694832.asp

Ainda antes de qualquer intervenção israelita, já o Hamas matava duas crianças palestinianas de 5 e 13 anos respectivamente. Julgo que na altura não existiram imagens para a televisão passar.
De Daniel Santos a 7 de Janeiro de 2009 às 21:50
mensagem de fanatismo absoluto.

De Jorge A. a 7 de Janeiro de 2009 às 22:35
Nem mais.

Comentar post

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Mais sobre mim

Contacto

jorgeassuncao@europe.com

Subscrever feeds

Pesquisar neste blog

Links

Arquivos

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Secções

desporto(383)

politica nacional(373)

cinema(291)

economia(191)

música(136)

ténis(132)

humor(131)

futebol(130)

eleições eua(118)

estados unidos(115)

portugal(115)

blogs(109)

miúdas giras(93)

jornalismo(88)

politica internacional(87)

governo(79)

televisão(74)

blogosfera(69)

oscares(68)

pessoal(55)

todas as tags

blogs SAPO