Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

Mui Macho

The Evolution of Homosexuality: Gender Bending

Their first observation was that the number of sexual partners an individual claimed did correlate with that individual’s “gender identity”. The more feminine a man, the more masculine a woman, the higher the hit rate with the opposite sex—though women of all gender identities reported fewer partners than men did. (This paradox is normal in such studies. It probably reflects either male boasting or female bashfulness, but though it affects totals it does not seem to affect trends.)

O estudo focado no artigo procura explicar porquê que a homosexualidade sobreviveu ao rigoroso processo da selecção natural, mas o que me importa aqui perguntar sobre a frase que cito é: na identificação do número de parceiros sexuais, são os homens que exageram, as mulheres que subtraiem, ou um pouco de ambos? Por outro lado, o estudo conclui que são os gajos com mais caracteristicas femininas e as gajas com mais caracteristicas masculinas os que mais "pontuam" junto do sexo oposto, lá se vai o mito do Zézé Camarinha? Para quem não associar de imediado, a evocação desse grande icon algarvio dá pistas para a resposta à primeira pergunta.

Secções: ,
publicado por Jorge A. às 22:45
link do post | comentar
2 comentários:
De Miguel Madeira a 6 de Novembro de 2008 às 10:13
"do número de parceiros sexuais, são os homens que exageram, as mulheres que subtraiem, ou um pouco de ambos?"

Em tempos, vi uma terceira teoria - que essa diferença é explicada, em parte, pelo recurso à prostituição entre os homens. É verdade que isso não devia influenciar os resultados (teriamos uma maioria esmagadora de mulheres com meio dúzia de parceiros e uma mão cheia com umas centenas ou milhares, levando a uma média equivalente à dos homens), mas é relativamente fácil a pequena fracção de mulheres que se dedicam à prostituição não serem apanhadas pelos estudos estatisticos.
De Jorge A. a 6 de Novembro de 2008 às 20:49
"mas é relativamente fácil a pequena fracção de mulheres que se dedicam à prostituição não serem apanhadas pelos estudos estatisticos."

Parece-me uma explicação razoável de aceitar.

Comentar post

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Mais sobre mim

Contacto

jorgeassuncao@europe.com

Subscrever feeds

Pesquisar neste blog

Links

Arquivos

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Secções

desporto(383)

politica nacional(373)

cinema(291)

economia(191)

música(136)

ténis(132)

humor(131)

futebol(130)

eleições eua(118)

estados unidos(115)

portugal(115)

blogs(109)

miúdas giras(93)

jornalismo(88)

politica internacional(87)

governo(79)

televisão(74)

blogosfera(69)

oscares(68)

pessoal(55)

todas as tags

blogs SAPO