Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Despertar da Mente

"Democracy and socialism have nothing in common but one word, equality. But notice the difference: while democracy seeks equality in liberty, socialism seeks equality in restraint and servitude." Alexis de Tocqueville

"Democracy and socialism have nothing in common but one word, equality. But notice the difference: while democracy seeks equality in liberty, socialism seeks equality in restraint and servitude." Alexis de Tocqueville

Despertar da Mente

22
Set08

Cinzento

Jorge A.

"At all times sincere friends of freedom have been rare, and its triumphs have been due to minorities, that have prevailed by associating themselves with auxiliaries whose objects often differed from their own; and this association, which is always dangerous, has sometimes been disastrous, by giving to opponents just grounds of opposition."

 

A citação é de Lord Acton e é a mesma que serve de introdução ao brilhante texto de Friedrich Hayek Why I Am Not a Conservative. No blogue Organization and Markets, Peter Klein procura adivinhar o que teria Hayek a dizer da crise actual. Ora, Hayek muito provavelmente atribuiria as culpas ao socialismo monetário na linha da escola austriaca de pensamento económico que é aquela que partilho.

 

Os próximos tempos serão contudo cinzentos, mesmo na badalada pátria do capitalismo selvagem o plano de salvação é absolutamente socialista. As culpas da crise parecem identificadas e a resposta passa certamente por mais e pior Estado.

 

O problema é que esta atribuição de culpas ao liberalismo é natural, justificada e, em parte, permitida pelos próprios liberais. Muitos, ao aceitarem formar barricada com outros que no fim não partilham a mesma visão de sociedade e que são em parte responsáveis pela crise actual, perderam força moral para defenderem agora a sua solução para a crise.

 

Em Portugal, contudo, vale a pena dar uma espreitadela ao que o Carlos Novais vai escrevendo por aqui ou aqui. O Carlos Novais, mais conhecido por CN entre o pessoal da bloga, é dos poucos que nunca refugiou-se na barricada de outros, antes pelo contrário, é dos que não se importa, via caixa de comentários, de fazer incursões ofensivas às barricadas dos outros. Isso garante-lhe moral para falar sobre a coisa, mas mais importante que a moral, é a razão que lhe assiste.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Outras Casas

  •  
  • Blogs

  •  
  • Em Inglês

  •  
  • Think Tank

  •  
  • Informação

  •  
  • Magazines

  •  
  • Desporto

  •  
  • Audiovisual

  •  
  • Ferramentas

    Arquivo

    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2009
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2008
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2007
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2006
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D