2 comentários:
De Tiago R Cardoso a 10 de Setembro de 2008 às 22:49
Eu não ia tão longe na analise, bastaria saber que foi Soares o autor e já nem precisava de ler, saberia imediatamente que era coisa para a gargalhada.
De Jorge A. a 12 de Setembro de 2008 às 00:36
De qualquer forma vale sempre a pena explicar qual o motivo da gargalhada.

Comentar post