Quinta-feira, 17 de Julho de 2008

A América Socialista

Toxic fudge

ADAM SMITH thought that private companies chartered to fulfil government tasks had “in the long run proved, universally, either burdensome or useless”. That has not stopped them thriving.

America has five government-sponsored enterprises (GSEs), set up to subsidise loans to homeowners or farmers.

 

Their supremacy reflects their privileges. As well as an implicit state guarantee, which allows them to fund themselves cheaply, they enjoy exemption from some taxes.

 

An end to GSE status looks unlikely: as truly private companies Fannie and Freddie would require unrealistically large injections of equity. The government wants to avoid nationalisation. That leaves the status quo, the public subsidy of private profit: a combination as toxic as it was in Smith’s day.

publicado por Jorge A. às 23:02
link do post | comentar
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Mais sobre mim

Contacto

jorgeassuncao@europe.com

Subscrever feeds

Pesquisar neste blog

Links

Arquivos

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Secções

desporto(383)

politica nacional(373)

cinema(291)

economia(191)

música(136)

ténis(132)

humor(131)

futebol(130)

eleições eua(118)

estados unidos(115)

portugal(115)

blogs(109)

miúdas giras(93)

jornalismo(88)

politica internacional(87)

governo(79)

televisão(74)

blogosfera(69)

oscares(68)

pessoal(55)

todas as tags

blogs SAPO